Clique para ampliar

Compartilhar:

Vinho Tinto Intimista

Intimista

O bonito rótulo desse vinho diz apenas que ele é “tinto”. Mas é se trata de um “regional alentejano” produzido com cepas locais como Alfrocheiro, Aragonez e Trincadeira, maceradas em pequenas cubas de inox. É um tinto focado na fruta (discreta nota floral acompanha os aromas), com boa acidez e frescor, corpo médio e taninos bem resolvidos. Um vinho simples, mas fácil de beber, de preferência logo, ligeiramente refrescado e acompanhado de frios/embutidos. 

  • Álcool 13,5%.
  • Temperatura de Serviço:17ºC ·       
  • Teor alcoólico:14% ·       
  • Tipo:Tinto ·       
  • País: Portugal ·       
  • Produtor:Cooperativa Agrícola de Granja ·       
  • Tipo de fechamento:Rolha de cortiça ·       
  • Volume:750mL ·       
  • Visual:Vermelho-intenso ·       
  • Nariz:Amoras maduras ·       
  • Boca:Amplo e encorpado ·       
  • Melhor ano para consumo:2018  

 

O Produtor  

O rótulo Intimista pertence à marca Encostas d’Alqueva, que nasceu da parceria entre a Adega Cooperativa da Granja (vinícola que produz o vinho) e a Amareleza Vinhos (responsável pelo engarrafamento da bebida). Nascida em 1952, a Adega Cooperativa da Granja se tornou nesses mais de 60 anos de história uma das produtoras mais expressivas do Alentejo.

Essa região portuguesa é reconhecida por sua riqueza histórica, ambiental, arqueológica e geológica, formando um quadro natural com imenso potencial para produção de vinhos finos e azeites de alta qualidade. Ali encontra-se os vinhedos que deram origem ao Intimista, num cenário lindo e bucólico, onde as vinhas compõem a paisagem juntamente com o maior lago artificial da Europa, criado pela barragem de Alqueva.

O vinho Intimista foi criado para expressar os sabores e aromas do Alentejo, que segundo os próprios produtores é um “território de características humanas e históricas bem diferenciadas”. Para que os frutos fossem o maior destaque do vinho, sua maturação no produtor aconteceu por 6 meses apenas em pequenas cubas de aço-inox. Suas castas são Alfrocheiro, Aragonez, Trincadeira e Moreto, já seu potencial de guarda é de até 6 anos. O Intimista é um vinho de coloração rubi brilhante, com tons violáceos. Seus aromas principais remetem a cereja, amora, mirtilo e flores, além de leves toques minerais.

No paladar apresenta todo o frescor de um vinho jovem, com excelente acidez, taninos macios e sabores frutados, ou seja, uma ótima pedida para ser servido como aperitivo, antes da refeição. Boas harmonizações para esse exemplar seriam pizzas, carne suína grelhada, antepastos ou risoto de mussarela de búfala. A temperatura ideal de consumo é de 18°C.  

A Cooperativa da granja foi fundada em 1951 como produtora de Azeite, possuindo um parque de máquinas e mútua de gado. Anos mais tarde começou a produzir vinho e chegou, inclusive, a produzir uma muito aplaudida aguardente de figo. Teve o seu momento mais alto, no que concerne à produção de vinhos, no final da década de 1980 com o prémio de Campeão do Mundo, numa competição que decorreu na Ex-Jugoslávia. No início deste século, as alterações que ocorreram no mercado dos vinhos, conduziram ao período mais difícil da Cooperativa, porque teve dificuldade em se adaptar às novas exigências impostas, nomeadamente em termos de evolução tecnológica e comercial.  

Em 2007, com a entrada de uma nova direcção, ainda em funções, deu-se o ponto de viragem no caminho descendente que lhe estava fadado. Reestruturaram-se os recursos humanos, e apostou-se na qualidade, tendo a Cooperativa em final de 2009 quintuplicado a facturação.  A área de influência da Cooperativa Agrícola de Granja, situada na margem esquerda do Guadiana e a fazer fronteira com grande parte do lago de Alqueva, é uma das zonas mais preservadas da paisagem alentejana, dada a sua interioridade. Por isso, ainda mantém tradições agrícolas e culturais que já é difícil de encontrar noutras paragens. Em termos vitícolas, uma das originalidades locais é a existência de bastantes vinhas em pé-franco, isto é, não enxertadas, que permitem recuar aos tempos anteriores à filoxera.

Os vinhos dessas vinhas, nomeadamente de Moreto antigo, são diferentes de todos os vinhos alentejanos, merecendo especial atenção por parte dos enófilos e dos profissionais ligados ao sector. Em termos tecnológicos, é de realçar a vitalidade da produção de vinho de talha, segundo o processo romano, inspirado na tecnologia das villas romanas existentes na região a partir do séc. II. Uma visita às pequenas adegas dos produtores de vinho de talha, que poderá ser organizada pela Cooperativa, é recuar quase vinte séculos no tempo, proporcionando uma experiência fascinante.   

Nenhuma avaliação para este produto. Seja o primeiro a avaliar!
Informações

azeites extra virgem premium online Razão Social: Companhia do Azeite Ltda ME CNPJ: 17672 680/0001-92 telefone: (61) 3026 0334 Email: Cantinhodoazeite@gmail.com

Pague com
Facebook
Newsletter

Assine nossa mala direta e receba muitas ofertas por e-mail.

Loja segura
Siteseal